Os 8 maiores e-commerces do mundo e seus diferenciais

Já percebeu como a nossa vida ficou muito mais fácil com os sites de compra pela internet? Hoje em dia podemos comprar livros, acessórios, eletrônicos, alimentos e até mesmo produtos de limpeza, e receber no conforto do nosso lar, se não no mesmo dia, no dia seguinte.

Contudo, para que hoje tenhamos essas lojas virtuais com tanta variedade de produtos, muitos caminhos foram trilhados e muitas empresas estudaram as necessidades dos clientes, para darem corpo aos maiores e-commerces do mundo que conhecemos atualmente.

Ficou curioso(a)? Vem com a gente conhecer os 8 maiores e-commerces do mundo.

1 – Amazon

Com certeza a Amazon estaria nesta lista, e possivelmente em primeiro lugar, não é mesmo? Hoje em dia, é muito difícil conhecer alguém que nunca tenha comprado nada no e-commerce ou ao menos ouvido falar nesse fenômeno. Com um catálogo de produtos muito variados, podemos comprar produtos de higiene pessoal, beleza, limpeza, livros, eletrônicos e muito mais, somente com um clique.

Considerado por diversos especialistas o maior e-commerce do mundo, foi criado em 1994 pelo agora multimilionário Jeff Bezos. A Amazon teve, em sua origem, o objetivo de vender livros apenas. Mas com a expansão do negócio e a escalabilidade, Bezos aproveitou a oportunidade e aumentou a variedade do seu e-commerce.

Um dos grandes diferenciais da Amazon é a experiência do cliente, variedade de produtos e facilidade de compra. Uma vez que o seu cartão esteja cadastrado na plataforma, suas compras são feitas em um clique e entregues em tempo recorde, até mesmo no mesmo dia dependendo da sua região e do horário da compra.

O faturamento anual médio da Amazon é de mais de US$10 bilhões, uma alta de 230% em relação ao faturamento das empresas do mesmo ramo. Para trazer ainda mais possibilidades aos clientes, hoje a Amazon conta com a Amazon Prime, serviço de streaming para vídeos e séries e serviço de nuvem para armazenamento de dados.

2 – Alibaba

Apesar de não ser tão comum como a Amazon e outros e-commerces, o Alibaba é um dos pioneiros nesse ramo, com um leque bastante exótico de produtos. Fundado por Jack Ma em 1999, o e-commerce Alibaba, só na China, tem mais de 250 milhões de compradores ativos. Um dos maiores diferenciais da plataforma é oferecer serviços de publicidade para empresas e focar na venda de serviços promocionais e cupons de desconto.

3 – eBay

Junto com a Amazon, o eBay é um dos e-commerces mais tradicionais do mundo, tão sortido em seu catálogo quanto a Amazon (se não mais!). Só no quarto semestre de 2020, a plataforma apresentou um lucro líquido de R$760 milhões, o que reverteu o prejuízo do ano anterior. 

Fundado por Pierre Omidyar, o eBay é um e-commerce disruptivo por ser focado em sistema de leilões. Contudo, hoje em dia é possível adquirir produtos da forma tradicional também.

No eBay você pode vender praticamente qualquer item. Desde 2019 a plataforma tem focado cada vez mais em publicidade, em otimizar pagamentos e na experiência do usuário, que estava em descrédito nos últimos anos.

4 – Walmart (no Brasil, conhecido como grupo Big)

No Brasil, o Walmart passou por mudanças recentes de nome, mas ao perceber a não aceitação dos clientes com essa mudança, o nome Big se manteve nas regiões onde já eram usados. O Walmart, contudo, já era um e-commerce conhecido na internet pela sua variedade de itens e preços imbatíveis.

Desde perfumes até chocolates, no Walmart encontramos itens importados e finos para presentear quem amamos ou até mesmo para colecionadores. O varejista foca na experiência do usuário e na facilidade de entregar os pedidos em casa. Com certeza um e-commerce que já ouvimos falar, não é mesmo?

5 – B2W (Lojas Americanas)

Vale a pena citar uma das lojas físicas mais populares do Brasil, as Lojas Americanas, que após se unir com o grupo B2W, se tornou uma grande potência, um dos maiores e-commerces do mundo. A empresa foi criada em 1929 pelos americanos Glen Matson, James Marshall, John Lee e Batson Borger com o intuito de vender mercadorias a preços mais acessíveis.

Ao chegar no mundo virtual com a sua proposta totalmente repaginada, oferece todos os tipos de itens com preços acessíveis e muitos cupons de desconto, com promoções relâmpago.

6 – Otto

O e-commerce Otto, atualmente com o valor de mercado 12,5 bilhões de euros, oferece um portal completo de compras de artigos de moda, eletrônicos, eletrodomésticos e esportivos. 

Sua entrada no mundo digital foi no ano de 1995 e trouxe mais de 80% da receita da empresa do portal digital, com campanhas de marketing bastante efetivas.

7 – Buscapé

Uma das companhias mais conhecidas do Brasil em questão de e-commerce, hoje em dia é uma companhia (Buscapé Company Informação e Tecnologia Ltda) que detém os direitos do Buscapé e outras startups. 

Com mais de 17 anos atuando no e-commerce, com certeza marcou gerações de pessoas que iniciaram suas compras nas lojas virtuais em meados dos anos 2000.

8 – Etsy

A Etsy é uma plataforma de e-commerce voltada para a venda de artigos criativos, abrigando centenas de artistas, chegando a marca de praticamente 15 milhões de pessoas no seu site.

A plataforma é aberta para todo tipo de arte, feita à mão, digital ou até mesmo os imaginativos. Conta com uma comunidade só para os clientes e vem se expandindo cada vez mais, sendo considerada um dos maiores e-commerces do mundo, o maior e-commerce quando se trata de produtos artísticos.

Leia também: google ads x facebook ads: qual a melhor opção?

Quer entender mais sobre o assunto e se tornar um e-commerce de sucesso?

 Nós podemos te ajudar!

A informação e a estratégia você encontra aqui, de graça, no nosso blog. Mas com a gente, você vê tudo o que estava faltando para o seu negócio decolar.

Marque uma reunião online e gratuita com a gente, assim, podemos te conhecer melhor e entender o que o seu negócio precisa.

 Estamos te esperando!

FACEBOOK
TWITTER
WHATSAPP
EMAIL
IMPRIMIR

deixe um comentário

Tópicos

pesquisar por tópicos

receba novidades por email